Auto-avaliação

Fiquei pensando por mais de duas semanas como fazer essa auto-avaliação e agora que estou na frente do computador escrevendo, tudo que eu tinha pensando parece que foi embora com um piscar de olhos.

Bom, vou falar do que eu achei no final das contas.Vou separar por tópicos porque acho mais prático e eu gosto de separar assim.

Aulas – Faltei em algumas, fui em outras, nunca assinei a lista e sai depois (porque acho isso uma sacanagem tremenda, prefiro assumir minhas faltas mesmo que eu me prejudique depois), dormi em algumas delas (não porque estava chata ou algo assim, mas porque eu estava morrendo de sono mesmo – vida de peão que acorda as 5:30 e dorme 00:00 não é fácil, mas enfim…), adorei alguns filmes que foram passados (como Jogo de Cena que eu fiquei encantada com as histórias e com o modo que elas foram contadas). Fiquei bastante interessada em estudar com mais profundidade alguns textos que foram lidos em aula (como o do Deleuze sobre a sociedade de controle e uma das últimas aulas sobre os pós-humanos – aula que me fez pensar um monte de coisas doidas e me fez ficar mais neurótica do que eu já sou =D ). Por essas e outras coisas, agradeço a professora por nos mostrar que existem N maneiras de ver as coisas (como disse aquela moça do video que eu não sei o nome, mas era sobre visão única da história) e por deixar-nos livres pra escolher o que pensar!

Pesquisa/blog: Fiquei muitíssimo feliz por fazer a pesquisa através do blog, sou uma viciada em internet e coisas dela (como redes sociais, email, etc…) e poder escrever de um modo mais livre e sem muito (sei lá) estrutura, facilitou muito minha vida. Acho que se eu tivesse que entregar um artigo nos moldes acadêmicos, por assim dizer, eu teria ficado um zilhão de vezes mais preocupada do que eu fiquei com este blog aqui. Uma coisa que me chateou/deprimiu foi o fato de ter pouco tempo para “concluir” essa pesquisa, porque eu queria ter pesquisado mais e ter falado de muitos outros temas que eu acho interessantes e que tem a ver com o livro-tema que eu escolhi (queria ter falado do fato de não haver homossexualismo na sociedade do livro – pelo menos eu não vi nada que indicasse algo do tipo, – queria ter falado sobre a falta de conceitos morais que para nós são tidos como importantes e que para a sociedade deles não são, enfim, muitas coisas mais, além de dizer mais sobre o condicionamento e o sistema de castas que eu falei muito pouco ou quase nada!)

Sobre o conceito: Isso foi o que eu mais fiquei pensando, pensei “vou pedir um A” mas depois pensei “um A não seria muita presunção minha? porque minha pesquisa não ficou lá grande coisa e bla bla bla”. Mas acho que eu mereço um A sim, porque mesmo não tendo ficado lá essas coisas, foi o que eu consegui fazer, nas minhas horas vagas do trabalho, entre os finais de semana que eu tinha para fazer tudo o que não faço durante a semana e empurro para os finais de semana. E porque além de tudo já que era para se dar uma nota, eu me dou A!

Li apenas uma vez sobre como teria que ser a auto-avaliação, mas só lembro a parte de comentar se você foi à aula ou apenas assinou a lista. Então espero que esses escritos sirvam de alguma coisa!

Finalizo com uma frase que eu adoro de uma das minhas escritoras favoritas:

“De mim, só se sabe que respiro.” (Clarice Lispector)

Beijos

Karina

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s